Paraná inicia campanha inédita de vacinação contra a dengue

Vacina-contra-dengue

Trinta municípios do Paraná começaram a oferecer doses de vacina contra a dengue na rede pública de saúde neste fim de semana. O Dia D da primeira campanha de vacinação contra a dengue das Américas foi nesse sábado (13). A expectativa do governo é imunizar cerca de 500 mil pessoas. Os municípios escolhidos para participar da iniciativa são os que registraram as piores epidemias nos últimos cinco anos. A campanha segue até o dia 3 de setembro em 164 unidades de saúde e, segundo o governador em exercício, Ademar Traiano, coloca o Estado na vanguarda da saúde pública mundial.

Em Assaí e Paranaguá, as doses estão disponíveis para os moradores com idades entre 9 e menos de 45 anos. Nas outras 28 cidades, a vacina é aplicada em pessoas de 15 a menos de 28 anos. De acordo com o secretário da Saúde do Paraná, Michele Caputo Neto, a vacina representa um reforço no controle da doença no Estado.

Para se vacinar, é preciso apresentar documento pessoal de identificação com foto e comprovante de residência. Quem já fez o pré-cadastro pela internet também precisa levar os documentos para comprovar as informações registradas no sistema. O Paraná investiu cerca de R$ 50 milhões na aquisição das doses. O Estado registrou aproximadamente 56 mil casos de dengue e 61 mortes em decorrência da doença desde agosto de 2015.

Os municípios escolhidos para a campanha concentraram 80% das ocorrências, além de 93% dos casos graves e 82% das mortes. Além da dengue, o Aedes aegypti também transmite doenças graves que não são protegidas pela vacina, como a zika e a febre chikungunya.

Fonte: http://www.saude.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=5009&tit=Parana-inicia-campanha-inedita-de-vacinacao-contra-a-dengue